Posts Tagged ‘Sol Nascente’

Pitiman

Neste domingo (21), o candidato ao governo do Distrito Federal, Luiz Pitiman (PSDB), se reuniu com mais de 50 pessoas no Sol Nascente para apresentar suas propostas de campanha. O tucano participou também da 2º edição do Passeio Ciclístico da Primavera e de encontro com moradores no Recanto das Emas.

Como prioridade para o governo, Pitiman garantiu arrumar de imediato a infraestrutura do Sol Nascente. “Nós vamos mostrar, no dia 1º de janeiro de 2015, o que um governo organizado, limpo e trabalhador pode fazer por uma cidade. O Sol Nascente e o Pôr do Sol viraram a vergonha para os políticos do Brasil. Tenho esse compromisso de arrumar tudo e fazer desse lugar aqui o orgulho dos brasileiros”.

Sol Nascente é considerada a maior favela da América Latina, com mais de 67 mil moradores. Pitiman afirmou que vai regularizar toda a área e levar os serviços básicos de asfalto, iluminação, saneamento básico e esgoto. Além de construir um centro de saúde na VC 311, restaurar o colégio rural e implantar o terminal rodoviário perto do Condomínio Geliart, com linhas exclusivas do bairro para as cidades próximas e o Plano Piloto.

No Recanto das Emas, acompanhado dos candidatos a deputado distrital, Zé Adelson, e deputado federal Paulo Fernandes, Pitiman ressaltou as medidas de governo para melhorar a qualidade de vida dos moradores da região. “Estamos prontos para governar. Já mostramos, através das nossas propostas, que não são promessas e nem ilusões, são projetos, planos para o futuro”, apontou.

Hoje (22), o tucano tem uma agenda intensa. Ele inicia a segunda-feira em reunião no comitê do SIA, com entidades ligadas aos bancos. Às 9h30, o candidato concede entrevista para rádio local e finaliza o dia em encontro com empresários da Associação Comercial e Industrial de Taguatinga (ACIT).

Arruda psul1

Em visita a Ceilândia, Arruda dialoga com moradores sobre planos para mobilidade urbana

Como aumentar o conforto de quem precisa se deslocar do bairro P Sul para trabalhar no Plano Piloto? Como reduzir a criminalidade ligada ao consumo de crack nas redondezas? Essas foram as questões mais ouvidas pelo candidato ao Governo do Distrito Federal, José Roberto Arruda, durante caminhada iniciada na manhã desta terça-feira, 5, e que entrou tarde adentro pelas ruas da QNP e da Expansão do Setor O, em Ceilândia.

“Eu vou trazer o metrô até o fim da Ceilândia”, respondeu Arruda, sobre a primeira questão. “Vocês lembram que quando eu assumi o governo, em 2007, o metrô só ia até a Praça do Relógio, em Taguatinga. Quem trouxe até o centro de Ceilândia fomos nós. E agora vamos trazer até o final do Setor O e fazer um ramal para o Sol Nascente”, garantiu.

No que diz respeito ao combate às drogas, sobretudo ao crack, Arruda falou que trata-se de uma questão que só pode ser resolvida com uma série de políticas públicas em várias áreas diferentes. “A primeira coisa é uma ação de inteligência policial contra o tráfico. Depois, o tratamento dos dependentes e de suas famílias. Por último, a criação de um ambiente de desenvolvimento que desencoraje o consumo de drogas pelos jovens”, analisou.

“O programa esporte à meia-noite tirou centenas de jovens das ruas, da criminalidade e das drogas. São os dados que comprovam.” Ele também quer investir pesado na construção das Vilas Olímpicas para estímulo à prática de esportes.

“Infelizmente, um dos piores desastres da atual gestão foi a paralisia que ela impôs à atividade econômica. Em primeiro lugar pela preguiça, pela lentidão, em segundo lugar por ser o governo de uma obra só, que é o estádio superfaturado”, disparou.

Quanto à violência que ainda assola os moradores de boa parte de Ceilândia, Arruda considera que sua redução passa pelo relacionamento do governo com a Polícia Militar. “O combate à violência começa pela valorização dos policiais, por um comando firme, retomada dos postos policiais e policiamento ostensivo nas ruas.”

 Toninho Pop 

Candidato a deputado distrital, o apresentador Toninho Pop visitou a comunidade de Sol Nascente Pop disse se deparar com a triste realidade que algumas comunidades do DF enfrentam. Andando por lá e conversando com os moradores, constatou que a situação continua precária. Falta saneamento básico, coleta de lixo, rede de esgotos e infraestrutura.

“A situação do Sol Nascente, como de outras regiões do DF, me impulsiona, ainda mais, na decisão de ser deputado distrital. É inadmissível deixar parte da população da capital, que tem uma das maiores rendas do país, nessas condições. A desigualdade é gritante, e tem reflexos para todos, que ali vivem, em forma de desemprego, insegurança e saúde pública”, afirmou Pop.

Toninho gravou um vídeo para expor a situação da cidade em sua fanpage (facebook.com/toninhopopoficial) e mostrar que os problemas continuam os mesmos, de quando exibiu em uma reportagem há 90 dias.

“Fizemos uma reportagem para mostrar os problemas e as dificuldades que os moradores do Sol nascente passam diariamente. Exibimos os lixos nas ruas, pedimos a atenção das autoridades para que algo fosse feito; e pelo que vejo, taparam os olhos! Nessa época de campanha eleitoral, ainda tem pessoas que vem aqui apenas para pedir votos. Isto é um absurdo!”, constatou.

Pop finalizou o vídeo, ironizando e comparando a situação do Sol Nascente com a capital do país. “Essa região é totalmente esquecida pelas autoridades. O mais grave é que estamos apenas há 40km do centro do poder”, concluiu.

agnelo sol nascente

Considerada uma das maiores comunidades do Brasil, o setor recebe investimentos em infraestrutura e passa por regularização fundiária, com a entrega de escrituras dos imóveis

Com aproximadamente 90 mil habitantes, o Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia, é maior do que a Rocinha, no Rio de Janeiro, em dimensões demográficas. Na manhã desta terça-feira (22), o candidato ao governo pela coligação Respeito por Brasília, Agnelo Queiroz, caminhou lado a lado com a população local durante duas horas e meia.

“Nosso povo aqui é muito sofrido, passou por muitas dificuldades. Em três anos e meio de governo fizemos toda a parte de projeto básico, executivo, licitamos obras, construímos a UPA, que atende mais de 500 pessoas por dia, regularizamos os trechos 1 e 2, e nos próximos dois meses regularizaremos o trecho 3, onde estamos agora”, disse Agnelo Queiroz.

De acordo com o candidato, a situação ainda está longe da ideal, porém, a localidade passa por transformações que reforçam a infraestrutura e melhoram a qualidade de vida da comunidade. “Ao todo, o investimento na localidade será de R$ 400 milhões em equipamentos públicos, restaurantes comunitários e, sobretudo, pavimentação e saneamento básico, os maiores anseios dos moradores”, ressalta Agnelo Queiroz. “A ordem de serviço para asfaltar a cidade já foi enviada e as obras no Trecho 1 já começaram”, completa.

Comunidade – Com nome de presidenta, a comerciante Dilma Oliveira, 33 anos, não nega apoio ao candidato do PT. “Eu moro aqui há 10 anos e já vi muitas mudanças desde o início desse governo. Antes, aqui era só poeira e lama. Hoje, além da pavimentação, o Agnelo também está regularizando os terrenos. Se ele continuar, irá melhorar mais”, destaca a moradora.

Outro comerciante local, Adriano Gomes, 40 anos, veio do Ceará e há sete anos reside no Sol Nascente. “É preciso dar mais um voto de confiança no candidato para que as melhorias continuem”, apoia.

Já a dona de casa Kátia Sales, 34 anos, mãe de três crianças, elogia a melhoria na Saúde. “A UPA mudou a nossa vida. Antes, tínhamos que ir ao Hospital Regional de Ceilândia e agora já temos atendimento perto de casa. É muito importante pra mim que sou mãe”, disse.

Abraçada pelo candidato ao longo da caminhada, a autônoma Márcia Sousa, 32 anos, saiu de casa cedo para acompanhar a atividade do candidato da coligação Respeito por Brasília. “Eu vim dar meu apoio. É a segunda vez que votarei em Agnelo Queiroz pois acredito na mudança”, explica.

OBRAS – O Trecho 1 está recebendo investimento de R$ 41,5 milhões em obras de drenagem pluvial e pavimentação asfáltica, que solucionarão os problemas de erosão e alagamento. Também serão construídos praças, parques e outros equipamentos públicos.

O programa de governo do candidato Agnelo Queiroz prevê, entre outras melhorias, a conclusão do Restaurante Comunitário, que, além de ser o maior do DF, servirá café da manhã e sopa no jantar, além do almoço.

 

 rodrigo reguffe

As campanhas de Rodrigo Rollemberg ao governo do Distrito Federal e de Eduardo Campos à Presidência da República vão começar em uma das regiões mais pobres do Distrito Federal: o Sol Nascente. Eles estarão acompanhados dos candidatos a vice-governador, Renato Santana, e a vice-presidente, Marina Silva, e do candidato ao Senado, Reguffe.

Rodrigo Rollemberg, Renato Santana e Reguffe são candidatos pela coligação Somos Todos Brasília, integrada pelo PSB, PDT, Rede, PSD e Solidariedade.

Os candidatos chegarão ao Sol Nascente, em Ceilândia, às 10h30, pela entrada do trecho 03, em frente ao posto policial, ao lado da QNR.

A comunidade do Trecho I do Sol Nascente, recebeu no sábado (21), a visita de um Papai Noel bem diferente do tradicional, pois o bom velhinho estava vestido de roupa amarela, chegou de charrete acompanhado do deputado distrital Robério Negreiros (PMDB).

IMG-20131221-WA0074

Robério Negreiros foi a comunidade do Sol Nascente acompanhado do Papai Noel, sua esposa Flávia Negreiros e sua mãe, dona Regina, onde foram recepcionados por mais de mil crianças que aguardavam ansiosamente o inicio do evento.

Segundo Negreiros “Tenho orgulho de meus amigos e familiares que se uniram para ajudar a fazer a alegria das crianças e realizaram este evento onde pude ver nos olhos de cada criança e seus familiares a alegria de terem um dia diferente da realidade que enfrentam diariamente”

Moradores devem comparecer ao Posto de Atendimento Avançado da Codhab até quarta-feira com documentação completa

Mais 76 moradores foram convocados pelo GDF para regularizar a situação da casa própria no Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia.

Os convocados devem comparecer – até quarta-feira (5) ao Posto de Atendimento Avançado da Codhab, na QD 501 CJ B Casa 52, Setor Habitacional Sol Nascente, das 8.00 às 17.00, com documentação completa.

O não comparecimento no prazo estipulado poderá resultar na invalidação para o processo de remoção em curso.

SAIBA MAIS - O Setor Habitacional Sol Nascente está em processo de regularização, e serão investidos aproximadamente R$ 220 milhões do Governo Federal/PAC Habitação e do Governo do Distrito Federal.

Dentro do Setor Habitacional, foram reassentadas, até agora, 131 famílias nas quadras 100 e 501.

Fazem parte do processo de reassentamento, moradores que ocupam áreas de risco, de preservação ambiental ou locais destinados à implantação do sistema de drenagem, energia elétrica e equipamentos públicos.