Posts Tagged ‘BR 040’

congestionamento

A partir de amanhã volta tudo’, disse diretor do DFTrans Lúcio Lima. Passageiros fecharam rodovia BR-040 em protesto contra mudanças.

Do G1 DF – O DFTrans voltou atrás e anunciou a suspensão das linhas de integração ao BRT que passaram a funcionar no último sábado. Nesta manhã, um grupo de moradores de Santa Maria e de cidades do Entorno fechou a BR-040 nos dois sentidos em protesto contra as mudanças, implantadas no último sábado. A rodovia foi liberada às 10h20.

Os passageiros reclamam que os ônibus estão mais cheios de demoram mais a passar desde que as mudanças foram implantadas. Os usuários do transporte dizem ainda que no horário de pico têm de fazer baldeação, com troca de ônibus, no terminal do Park Way antes de seguir para o Plano Piloto. Na volta para a casa, é preciso pegar pelo menos um ônibus a mais, para fazer a conexão em um dos terminais, de Santa Maria ou do Gama.

“Nós tínhamos uma operação funcionando até sábado, de linhas diretas. A partir de amanhã [quarta] volta tudo”, disse o diretor técnico do DFTrans, Lúcio Lima. Nós não sabemos ainda onde foi a nossa falha, nós avisamos com bastante antecedência, mas infelizmente a população não aprovou. Vamos reavaliar e corrigir oi que tiver de ser feito.”

Lima disse, no local do protesto, que a condição para negociar a mudança era a liberação da rodovia. “Volta à situação anterior a sábado – seria voltar as linhas da W3 Sul, W3 Norte, SIG, SAAN, Cruzeiro, Guará e Núcleo Bandeirante. O BRT da rodoviária continuaria”, afirmou.

Desde esta segunda-feira, primeiro dua útil de operação das linhas, os passageiros relatam que dificuldades com as novas rotas de integração. “Não tinha ninguém para pedir orientação. Aí, [o ônibus] ia chegando, dizia que não passava no Park Way e eu caçava outra fila”, disse a empregada doméstica Rita Maurício.

Foto: Dênio Simões / GDF

Foto: Dênio Simões / GDF

A rodovia, que será duplicada, facilitará o escoamento da produção do Centro Oeste

Por Fábio Magalhães – Foi assinado nesta terça-feira (12), no Palácio do Planalto, o contrato de concessão de um trecho de 936 km da BR-040. A rodovia, uma das principais do Centro-Oeste brasileiro, liga o Distrito Federal a Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, e será administrada, durante 30 anos, por uma empresa privada.

O acordo, formalizado pela presidente Dilma Rousseff, na presença do governador Agnelo Queiroz, determina que a empresa Investimentos e Participações em Infraestrutura (Invepar), vencedora de concorrência pública, duplique 557 km de Luziânia (GO) a Paraoapeba (MG); do entroncamento com a BR-365 (trevo Ouro Preto) até Barbacena MG), e de Oliveira Fortes (MG) até Juiz de Fora (MG).

“A duplicação significa maior segurança, mais rapidez e, portanto, menor custo no transporte, sobretudo nas regiões de fronteira de produção, como é o caso de todo o Centro Oeste brasileiro. Fico muito feliz de dar, aqui, início a uma duplicação que desde o início do Programa de Aceleração do Crescimento, em 2007, nós procuramos efetivar”, destacou a presidente Dilma Rousseff.

De acordo com o Ministério dos Transportes, a concessão da BR-040 terá, em todo o período de exploração, R$ 7,92 bilhões em investimentos por parte da Invepar, que venceu a concorrência oferecendo uma tarifa de R$ 3,22, que equivale a uma economia de 61,13% em relação aos R$ 8,29 estabelecidos como tarifa pelo edital.

OUTRAS RODOVIAS – Além da BR-040, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) assinou a concessão de outras duas rodovias: a BR-163, no Mato Grosso do Sul, que será explorada pelo Grupo CCR, por 30 anos, e terá investimentos de R$ 5,69 bilhões; e a BR 163, no Mato Grosso, que será gerida por igual período pela Odebrecht e terá investimento de R$ 4,6 bilhões.

“Hoje nós damos mais um passo importante no programa de concessão rodoviárias, onde o primeiro objetivo é fazer com que o País tenha uma infraestrutura, logística moderna e compatível com as suas necessidades econômicas e de desenvolvimento” frisou o Ministro dos Transportes, César Borges. (Agência Brasília)