Posts Tagged ‘Aguas Claras’

Pizza

Primeira pizzaria gourmet de Águas Claras completa um ano de existência, com produtos e serviços de qualidade

Em italiano, Dolce Far Niente significa “o doce fazer nada.” A expressão batiza uma aconchegante pizzaria gourmet em Águas Claras. E lá ganha também outros sinônimos: sentar-se em um ambiente agradável, apreciar um bom vinho e, é claro, saborear pizzas assadas no forno a lenha, elaboradas com massas napolitanas ou romanas (tradicionais, integrais ou sem glúten). É com esse delicioso conceito que a casa está prestes a comemorar o seu primeiro ano de existência, em 21 de outubro.

A pizzaria é comandada por Lídia Nasser, proprietária também do empreendimento vizinho à Dolce Far Niente, o Empório Árabe. O novo negócio é fruto da demanda do público da cidade. “Até então, não existia pizzaria gourmet em Águas Claras, com forno à lenha. Até hoje, a maioria é delivery. Então, resolvemos suprir essa necessidade e o retorno dos clientes tem sido maravilhoso”, comemora Lídia.

As pizzas são servidas sempre no jantar, de terça a domingo, das 18h às 0h. O cardápio conta com cerca de 30 sabores salgados e quatro doces, em massas romanas ou napolitanas tradicionais, integrais ou sem glúten. Estas últimas atendem às necessidades do público que a cada dia busca alternativas mais saudáveis para a alimentação. As massas sem glúten, por exemplo, são feitas à base de arroz, azeite, sal e açúcar. E nenhuma delas leva ovos nem manteiga. Exceto a sem glúten, todas as outras saem com borda fina ou grossa.

Os preços variam entre R$ 35,90 e R$ 58,90 (médias, com 6 fatias) e de R$ 45,90 a R$ 68,90 (grandes, com 8 fatias). Entre elas, as sugestões são a Capriciosa, coberta com pomodori pelati, Catupiry, muçarela de búfala e peito de peru, a R$ 39,90 (média) ou a R$ 49,90 (grande); e a Mediterrânea Picante, que leva pomodori pelati, muçarela, beringela, parmesão, pimentões e abobrinha com um delicado sabor picante de pimenta dedo-de-moça, a R$ 46,90 (média) ou a R$ 56,90 (grande).

A casa abre para o almoço de sexta-feira a domingo, das 11h às 15h. Nesse horário, no entanto, não trabalha com pizzas. Somente com risotos, massas, grelhados e saladas. O cardápio à la carte é composto por pratos individuais, entre R$ 23,90 e R$ 58,90. Uma boa pedida é o paillard ao molho branco, acompanhado de talharim ou espaguete, a R$ 39,90.

Em mãos experientes

Fazer pizza não é tarefa simples, ainda mais quando se trata de pizzaria com conceito gourmet, que busca conciliar a qualidade das massas com o bom gosto e o equilíbrio das coberturas.

Justamente por isso o cardápio da Dolce Far Niente é assinado por quem entende do assunto: o pizzaiolo Duarte Neto. Há 20 anos na profissão, o baiano, natural de Irecê, começou na Quattrocento, uma das pioneiras na elaboração da iguaria de massa fina na capital federal, que funcionava na 408 Sul. Foi contratado como cumim, passou a garçom e chegou a pizzaiolo em apenas três meses.

Duarte, que cresceu vendo a mãe cozinhar para ganhar a vida em um misto de pousada e restaurante familiar no interior da Bahia, também observava com atenção o trabalho do pizzaiolo da casa. “Em uma sexta-feira, o mestre da pizza não pôde trabalhar. Aí me ofereci para tentar. Preparei uma margherita e, ao final, recebi elogios do cliente que me deu uma gorjeta de R$ 50,00, bem gorda para a época, recorda-se Duarte, que desde então não voltou mais ao salão. Assim como o freguês disse, o lugar dele era na cozinha!

Os proprietários da pizzaria investiram em Duarte: aumentaram o salário e pagaram cursos de especialização – um deles na Pizzaria Camelo, aberta desde 1957, e bem tradicional em São Paulo. Ao sair da Quattrocento, em 2001, abriu seu próprio negócio: a Cantina Don Luca, em sua casa, na QNM 2, em Ceilândia. O empreendimento prosperou até 2011, quando decidiu retornar à Bahia e abrir nova pizzaria.

De volta a Brasília em 2013, recebeu convite de Lídia Nasser para comandar a pizzaria Dolce Far Niente e desenvolver as saborosas massas e coberturas oferecidas pela casa.

Pizza e vinho: combinação perfeita

Na Dolce Far Niente, fica fácil harmonizar pizzas e vinhos. A casa oferece 118 rótulos de excelente custo benefício, oriundos de 11 países: Estados Unidos, Chile, Argentina, Uruguai, França, Itália, Tunísia, África do Sul, Portugal, Espanha e Brasil. Além disso, a pizzaria conta com os serviços do competente sommelier Elington Rodrigues. Ele é o responsável por sugerir as combinações aos clientes, que também têm a facilidade de consultar os vinhos disponíveis em uma carta eletrônica.

Outro destaque da casa é o Circuito do Vinho, que acontece de terça-feira a quinta-feira, das 19h às 0h. A cada semana, a pizzaria homenageia um país produtor da bebida, com quatro rótulos (uma taça de cada) para degustação harmonizada com entrada (focaccia) e uma pizza média de qualquer sabor, a R$ 182,00 (duas pessoas) ou R$ 82,00 (individual). “É a oportunidade ideal para conhecer novos rótulos de diferentes preços”, recomenda o sommelier Elington.

Para esta semana, o país escolhido é a Tunísia, com os Chateau Monarde (Cabernet Sauvignon/Merlot), Carthage Pinot Noir, espumante Chateau Monarde (Chardonnay/Chenin Blanc) e Carthage Syrah. Na semana que vem será possível degustar rótulos da Austrália.

Dolce Far Niente

Avenida das Castanheiras, 1060 – Águas Claras. (61) 3254-2263

No almoço, de sexta-feira a domingo, das 11h às 15h. No jantar, de terça a domingo, das 18h às 0h.

aguas claras

O Boletim de Conjuntura Imobiliária divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF), referente ao mês de julho, constatou que Águas Claras continua se destacando como a cidade com a maior rentabilidade para apartamentos de um, dois e três dormitórios. As variações foram de 0,42%, 0,40% e 0,37%, respectivamente. Na modalidade quitinete, o Guará apresentou a maior rentabilidade, de 0,46%.

Em relação aos imóveis comerciais, Águas Claras também se destacou com 0,57% de rentabilidade nas lojas e 0,58% nas salas comercias. O Setor de Indústria também obteve uma grande valorização se comparado com o mês de junho na modalidade de lojas com um aumento de 0,18%.

A amostra analisada para comercialização representou 93% de imóveis residenciais e 7% de imóveis comerciais. Os números mais expressivos para os residenciais foram de apartamentos de 2 e 3 quartos somando 43,9%. As salas comerciais corresponderam a 4,4%.

Os maiores valores medianos de m2 foram verificados em Brasília, acima de 10 mil reais para apartamentos de 4 dormitórios. Em contrapartida, Sobradinho apresentou os menores valores medianos de m2 chegando a apenas R$ 4.258 para apartamentos de 3 dormitórios.

Em relação aos imóveis comerciais, Brasília se destaca pela grande valorização da região, uma loja na Asa Sul não sai por menos de 970 mil reais, aproximadamente.

Os imóveis residenciais destinados à locação totalizaram 68,5% da amostra, enquanto que os imóveis comerciais representam 31,5%. Neste quesito, Brasília supera as demais regiões administrativas. A mediana do aluguel de uma casa de 4 dormitórios no Lago Sul, bairro nobre da capital, chega a 11 mil reais, em contrapartida no Lago Norte, para o mesmo tipo de imóvel, a locação é de aproximadamente 7 mil reais.

Para os imóveis comerciais, observou-se a valorização das lojas em Taguatinga que fecharam o mês de julho com um aluguel no valor de 3 mil reais. Já, as salas comerciais em Águas Claras, para locação, superaram os 1.500 reais.

Foto: Mary Leal / Arquivo

Foto: Mary Leal / Arquivo

Programação de aniversário da RA terá atividades durante o mês de maio

Águas Claras completa, nesta terça-feira (6), 11 anos de independência. Isso porque a cidade, que nasceu como bairro de Taguatinga, em 1984, se tornou Região Administrativa (RA) apenas em 1997. Para marcar a data, a Administração da RA preparou uma comemoração que promete animar os moradores durante todo o mês de maio.

A festa começará às 9h de terça-feira, com o tradicional corte do bolo e queima de fogos. Também haverá palestra sobre Coleta Seletiva na quinta (8), às 19h.

Para o segundo fim de semana do mês de aniversário de Águas Claras, a administração preparou uma feira de animais no Parque Ecológico da cidade, a partir das 9h do sábado. Às 20h, começa a Noite dos Pioneiros, que conta com o apoio de uma escola da região e acontecerá no teatro da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb).

Os moradores ainda poderão acompanhar, no dia 15, aulas de como detectar vazamentos, com técnicos da Caesb.

Para 17 de maio, a administração reunirá todas as academias da cidade em um dia de exercícios gratuitos no parque. No dia seguinte, os moradores de Areal, receberão, a partir das 9h, uma “Manhã de Lazer”, que será repetida para a comunidade de Arniqueiras, no dia 24.

Já no fim do mês, será feita a abertura da feira empresarial “Águas Claras Faz e Mostra”, que ficará no Parque Ecológico da RA de 28 de maio a 1º de junho. Para fechar as comemorações, os moradores poderão acompanhar, dia 30 de maio, também no parque, o campeonato de Jogos Escolares da cidade.

Foto: Denio Simões/GDF

Foto: Denio Simões/GDF

Obras foram inauguradas nesta segunda-feira e já podem ser usadas para dar mais agilidade ao trânsito na região

Por Fábio Magalhães – Condutores que trafegam pelas avenidas Araucárias e Araçá, em Águas Claras, contam com dois novos viadutos que facilitam o acesso à Estrada Parque Taguatinga (EPTG). Inaugurados nesta segunda feira (14), já estão disponíveis para uso a fim de garantir melhor mobilidade aos moradores da região.

“Com esses viadutos, reduziremos o tempo de deslocamento das pessoas e melhoraremos a qualidade de vida. Essa obra é uma intervenção importante e dará muito mais agilidade ao nosso trânsito”, frisou o governador Agnelo Queiroz, acompanhado do vice-governador, Tadeu Filippelli, durante vistoria às novas vias.

Localizados sobre a linha do Metrô, os viadutos receberam investimento de R$ 5,6 milhões e foram construídos em um período de dez meses. O que está localizado na Avenida Araucárias tem 35m. Já o da Avenida Araçá possui comprimento de 38m.

“Essa inauguração representa mais uma facilidade para os moradores. Ampliando a quantidade de acessos da cidade, os existentes ficam até mais tranquilos, e as pessoas que moram nessa região não precisam mais utilizá-los. Isso desafoga todo o trânsito e melhora a mobilidade”, acrescentou o secretário-adjunto de Obras, Maurício Canovas.

Com a entrega dessas duas obras, a gestão Agnelo Queiroz totaliza três viadutos entregues na cidade. No fim de 2013, outra passagem, na Rua Ipê Amarelo, foi inaugurada. A obra também passa sobre a linha do Metrô e faz a ligação entre as avenidas Araucárias, Castanheiras e Vereda da Cruz. (Agência Brasília)

Denilson Bento da Costa

Denilson Bento da Costa

Nomeação de Denilson Bento da Costa foi publicada nesta quarta-feira. Ex-administrador foi exonerado após ser preso, suspeito de corrupção.

Foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal desta quarta-feira (4) a nomeação do ex-secretário de Educação Denilson Bento da Costa para o cargo de administrador de Águas Claras.

Costa substitui Sérgio Luiz Feltrini, antigo chefe de gabinete que assumiu a administração no começo de novembro, após a prisão do então administrador, Carlos Sidney de Oliveira.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, Carlos Sidney é suspeito de participar de um esquema de corrupção para concessão de alvarás em empreendimentos imobiliários.

O ex-administrador de Águas Claras Carlos Sidney cumpriu prisão temporária e agora está em liberdade. (Do G1 DF)

Deputado Chico Leite solicitou ao governo a imediata criação do parque e conseguiu o compromisso da Administração

 

O Parque Central de Águas Claras, previsto na planta urbanística da cidade, até hoje não saiu do papel. O deputado distrital Chico Leite (PT) se reuniu com o secretário de Meio Ambiente, Eduardo Brandão, em busca da implementação do local. Chico pediu investimentos no parque urbano, que ocupa 175 hectares no centro de Águas Claras.

“Hoje todo esse espaço está degradado com entulhos e erosões. Precisamos assegurar a implementação do parque, inclusive para evitar que sejam erguidos ali novos edifícios. Águas Claras já sofre muito com o adensamento urbano”, afirma Chico Leite. O Parque Central não deve ser confundido com o Parque Ecológico, já implantado. Trata-se de uma área situada entre as estações de metrô Águas Claras e Concessionárias, prevista para abrigar um parque urbano no centro da Região Administrativa.

O parlamentar também discutiu a possível criação de uma feira permanente na área limítrofe entre o Parque Central e o Parque Ecológico de Águas Claras. “A comunidade é contra a feira na área do parque, com razão. Afinal, o espaço é destinado para áreas verdes, praças, parques infantis, equipamentos de ginástica, ciclovias, anfiteatros, pistas de skate. O secretário Brandão sensibilizou-se com a causa e a Administração Regional se comprometeu a não instalar a feira naquele local”, explica. Chico Leite apresentou na Câmara Legislativa uma indicação ao governador Agnelo Queiroz sugerindo a imediata implementação do Parque Central de Águas Claras.

Agnelo Queiroz participa de inauguração do novo ambulatório do Hospital da Universidade Católica de Brasília. Convênio com GDF permitirá que hospital destine 60% dos atendimentos a pacientes do SUS

O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, acompanhado da primeira-dama, Ilza Queiroz, participou na tarde desta quinta-feira (22) da inauguração do Centro de Especialidades Ambulatoriais (CEA) do Hospital da Universidade Católica de Brasília (HUCB), localizado em Águas Claras. Com a ampliação da estrutura física, o antigo ambulatório do HUCB passará a ter 48 consultórios e 22 médicos, que atenderão em mais de 20 especialidades.

O Governo do Distrito Federal, por meio da Secretaria de Saúde, está fazendo um convênio com o HUCB para possibilitar o atendimento a pacientes do Serviço Único de Saúde (SUS), o que não ocorre atualmente. A meta é que esses pacientes correspondam a 60% do total.

“Vamos fazer esse convênio e garantir mais um local para atendimento dos pacientes do SUS no Distrito Federal, o que, inclusive, ajudará a desafogar os hospitais pblicos, destacou o governador Agnelo Queiroz. A cidade ganhou uma unidade de excelência. É importante ter bons parceiros para assegurar à população um atendimento completo, que vai desde a atenção privada à alta complexidade”, ressaltou.

O governador também destacou a importância do HUCB para a formação de novos profissionais. O hospital oferece suporte ao ensino nos cursos de Educação Física, Medicina, Enfermagem, Fisioterapia, Pedagogia, Farmácia, Biomedicina, Gestão Hospitalar, Administração, Nutrição, Psicologia e Serviço Social. O HUCB não possui residentes, apenas estudantes do internato do curso de Medicina.

O HUCB atende somente a consultas marcadas, não é um hospital de urgência e emergência. O horário de funcionamento é das 7h às 19h, de segunda a sexta-feira. As especialidades oferecidas são cardiologia, cirurgia de cabeça e pescoço, cirurgia geral, cirurgia plástica, clínica médica, dermatologia, endocrinologia, fonoaudiologia, gastroenterologia, geriatria/gerontologia, ginecologia, hidroterapia, nutrição, oftalmologia, ortopedia, pediatria, otorrinolaringologista, pneumologia, psicologia, psiquiatria, urologia e cirurgia bucomaxilofacial.

O hospital também possui laboratório, no qual são realizados exames como raio-x, mamografia, ultrassonografia, densitometria óssea, biópsias, eletrocardiograma, teste ergométrico em esteira, além de testes de urologia, hematologia, bioquímica, parasitologia e hormonologia, entre outros.

O HUCB presta atendimento a toda população do DF, especialmente às comunidades de localidades mais próximas, como Taguatinga, Areal, Samambaia, Riacho Fundo I e II, Recanto das Emas e Águas Claras.

Transplantes Para a população carente, o HUCB já realizou 495 transplantes de córnea pelo SUS e mais de 2.235 atendimentos, incluindo procedimentos cirúrgicos e consultas ambulatoriais. Os pacientes atendidos participam de umatriagem, feita por uma assistente social, e ganham descontos de até 95% emconsultas eexames.

Também participaram do evento o secretário de Saúde em exercício, Elias Miziara; os administradores de Águas Claras, Manoel Carneiro, e de Taguatinga, Carlos Jales; o reitor da Universidade Católica de Brasília, Cícero Ivan Ferreira Gontijo, e o diretor-geral do HUCB, Alexandre Visconti Brick.

O CEA/HUCB fica em Águas Claras, próximo ao Pistão Sul em Taguatinga (QS 05 Lote 22 Avenida Areal).