Jornalista, blogueiro, escritor e consultor de comunicação. Exerceu a função de secretário adjunto de Comunicação Social do Governo do Distrito Federal. Foi Diretor de Redação do Grupo Comunidade de Comunicação – editora do Jornal da Comunidade e O Coletivo. É autor do livro PANDORA – e outros fatos que abalaram a política de Brasília.

Trabalhou, entre outros meios de comunicação, no Jornal de Brasília, na Assessoria de Imprensa do Ministério da Agricultura, na gestão do ministro Marcus Vinícius Pratini de Moraes.

Antes de começar sua carreira na Capital Federal, autou como correspondente na região Norte do País do jornal Gazeta Mercantil de São Paulo e GM Latino-Americana. Responsável pela cobertura jornalística dos estados de Rondônia e Acre, além do sul do Amazonas, com coberturas na Bolívia, Peru e Venezuela.

Em Rondônia foi assessor do Governo do Estado, da Prefeitura de Porto Velho, e Editor do Jornal Diário da Amazônia.

No final dos anos 80, em Fortaleza, começou a trabalhar no extinto jornal Tribuna do Ceará, onde militaram outros familiares, como o pai Luiz Dutra de Oliveira e o tio José Dutra de Oliveira (já falecido). Ainda em Fortaleza, trabalhou no jornal O Povo e na rádio Dragão do Mar.

Ricardo Callado escreve ainda poesias e é autor do livro Poeta das Praias e do documentário Perfil do Ceará. Atualmente, está escrevendo o livro Estrangeiros (título provisório).