Novo mandato se inicia em janeiro de 2015 e tem duração de quatro anos

O Conselho Deliberativo do Sebrae Nacional elegeu nesta quinta-feira (11) o seu novo presidente e também a nova Diretoria Executiva da instituição. O atual presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, será o presidente do Conselho Deliberativo Nacional (CDN) do Sebrae, em substituição a Roberto Simões, da Confederação Nacional da Agricultura (CNA).

Para a Diretoria Executiva do Sebrae Nacional foram reeleitos o presidente Luiz Barretto e o diretor de Administração e Finanças, José Claudio dos Santos. Já para a Diretoria Técnica da instituição foi eleita a atual secretária de Desenvolvimento da Produção do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Heloisa Menezes, em substituição a Carlos Alberto dos Santos. Os mandatos têm início em janeiro de 2015 e irão até dezembro de 2018.

Os dirigentes são eleitos pelos conselheiros que representam 13 entidades públicas e privadas: Confederação Nacional da Indústria (CNI); Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA); Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC); Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB); Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE); Banco do Brasil (BB); Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); Caixa Econômica Federal (CEF); Financiadora de Estudos e Projetos (Finep); Associação Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia das Empresas Inovadoras (Anpei); Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec); Associação Brasileira de Instituições Financeiras de Desenvolvimento (ABDE) e Associação Brasileira dos Sebrae/Estaduais (Abase).

O novo presidente do Conselho Deliberativo Nacional, Robson Braga, é engenheiro mecânico formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Presidente da CNI, foi reeleito em outubro para o segundo mandato de quatro anos à frente da confederação. Anteriormente, ocupou por dois mandatos (de 2002 a 2010) na presidência da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg). É membro titular do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República (CDES) e vice-presidente da Confederação Empresarial da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Há 30 anos, preside a Orteng Equipamentos e Sistemas Ltda., empresa que produz equipamentos para os segmentos de energia, petróleo, gás, mineração, siderurgia, saneamento, telecomunicações e transportes.

O presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto, reeleito agora para o seu segundo mandato, é formado em Sociologia pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo e ocupava o cargo de ministro do Turismo antes de presidir o Sebrae, em 2011. Ele já havia trabalhado na instituição como gerente nacional de Marketing e Comunicação, de 2005 a 2007. Sua vida pública teve início na década de 80, no Sistema Estadual de Análise de Dados (Fundação Seade) e no Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), ambos de São Paulo. Exerceu funções de direção nas prefeituras de São Paulo, São Vicente e Osasco, onde foi secretário de Indústria, Comércio e Abastecimento.

O diretor de Administração e Finanças, José Claudio dos Santos, reconduzido para mais um mandato, é graduado em Direito, com especializações nas áreas de qualidade, inovação e gestão. Atualmente, também preside o Conselho Deliberativo do Sebrae Previdência, o Conselho Fiscal na Apex-Brasil, e é conselheiro da Associação Brasileira de Recursos Humanos e da Junior Achievement Brasil. Já ocupou a posição de diretor-técnico e de gestão do Sebrae no Rio Grande do Sul (2003 a 2008), foi diretor na Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) e diretor de Desenvolvimento de Pessoal e Qualidade da Springer Carrier S/A, no Rio Grande do Sul.

A nova diretora-técnica do Sebrae Nacional, Heloisa Menezes, é graduada em Economia com mestrado em Desenvolvimento Agrícola. Além de secretária de Desenvolvimento da Produção do MDIC, Heloisa foi diretora de Relações Institucionais da CNI, superintendente do Instituto Euvaldo Lodi de Minas Gerais, diretora-técnica do Instituto Metas e professora de economia da PUC-MG. Ela conta com mais de 15 anos de experiência em projetos de política industrial e tecnológica.

Leave a Reply